Imperial

Novo imposto é pior que a CPMF

“Cobrar imposto de 0,4% para saques em dinheiro vai atingir principalmente os pobres aposentados que todo mês fazem fila nos caixas dos bancos para retirar seu parco benefício. O que Bolsonaro está propondo é muito pior que a antiga CPMF”, opinou no twitter, o jornalista Ricardo Pereira.

— O secretário adjunto da Receita, Marcelo Silva, confirmou que o governo vai enviar uma proposta de criação da Contribuição sobre Pagamentos (CP) para desonerar gradualmente a folha.

Segundo planilha apresentada por ele, a alíquota do novo tributo será de 0,20% no débito e crédito financeiro e de 0,40% no saque e depósito em dinheiro.

A proposta é apontada por críticos como similar à CPMF, imposto sobre operações financeiros abolido durante o governo Lula e que o presidente Jair Bolsonaro já prometeu não reeditar.